Seguros Ford


O que é?

O seguro de automóveis no Brasil se divide em dois grupos bem distintos: o Seguro Obrigatório (DPVAT – Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres) e o Seguro Facultativo, mais comumente conhecido como seguro de automóveis.

Seguro Facultativo de automóveis garante indenização por:

  • danos acidentais causados ao veículo, ou por roubo ou furto do mesmo (ou suas partes);
  • ressarcimento de danos (materiais ou pessoais) causados pelo veículo a terceiros;
  • indenização aos passageiros acidentados do veículo (ou seus beneficiários) e;
  • assistência ao veículo e seus ocupantes, em caso de acidente ou pane.

A contratação do seguro é feita por meio de uma proposta. Esta, por sua vez, gera uma apólice, que é o contrato entre o segurado e a Seguradora.

O que é franquia?

Franquia é o valor fixo e predeterminado para participação do segurado nos prejuizos decorrentes de danos parciais ocasionados no veículo. Não se aplica em caso de perda total ou roubo/furto do veículo, e não se aplica quando o seguro cobre danos a terceiros, previstos na apólice. Esse valor é definido na contratação do seguro e será pago sempre quando o conserto ultrapassar o valor da franquia, assumindo a Seguradora o valor excedente.

  • Perda parcial: ocorre quando as avarias ocasionadas na ocorrência de um sinistro não ultrapasse o valor de conserto de 75% do valordo mercado do veículo, conforme condições determinadas pela Seguradora.
  • Indenização integral: ocorre quando, em decorrência de sua extensão, não torna viável economicamente a reparação do veículo. Neste caso, a Seguradora indenizará o segurado em valor equivalente ao veículo – indenização integral – conforme a modalidade de contratação escolhida.

Quais são os tipos mais comuns de indenização que existem para danos ao veículo segurado?

No caso de roubo e furto, a indenização integral só será reconhecida se o seu veículo não for recuperado antes do prazo para pagamento da indenização pela Seguradora.